<BODY> philipinas

terça-feira, fevereiro 7


VOCÊ VÊ BANG BANG?

Eu também não. E, provavelmente, ninguém vê. Em entrevista à Folha, o autor da novela tenta explicar porque a novela não decolou.

"Ficou pop: muita citação, Beatles, Yellow Submarine, nomes em inglês", disse Mário Prata. "O público de TV aberta é a classe D e E, que nem sempre tem informação para entender. Eu não estava acostumado a explicar a piada", completou.

Ao falar sobre a crítica da Veja, que dedicou três páginas da revista para esculhambar a novela, Mário Prata teve de recorrer à ajuda da psicanálise. "Eles amam odiar. E a minha é, pelo visto, a novela mais odiada da história. Um mérito. (...) A diligência passou por cima da minha cabeça, tronco e membros. Fui parar em um psicanalista pela primeira vez na vida. Dez sessões", disse o escritor.

Atualmente, Prata, por causa de uma tendinite, não escreve mais a novela Bang Bang. Sobre a atuação de Fernanda Lima, o escritor preferiu não comentar. Mesmo assim porque o jornal não chegou a perguntar.

Ha!