<BODY> philipinas

quarta-feira, março 2


MADONNA: UM DOS CINCO MELHORES MOMENTOS DA MÚSICA

A edição de abril da revista Q traz Madonna na lista dos Cinco Melhores Momentos da Música. A cantora aparece junto com os Beatles, Bob Dylan, U2 e The Velvet Underground.

Na matéria, Like a Prayer é eleito o seu melhor álbum: "E se você for comprar um disco dela... Like a Prayer. Sempre mais interessante quando não procura chamar a atenção, Madonna acerta no balanço entre o artístico e o comercial com Like a Prayer, seu melhor e mais bem pensado álbum. A faixa-título, com coral redondinho e produção perfeita, continua sendo sua melhor marca. Express Yourself é um dance feroz e a pouco celebrada Dear Jessie traz uma Madonna que nunca soou tão humana."

"MADONNA É HOMOFÓBICA"

Se Elton John já teve a sua chance, agora é a vez de outra bicha atacar a cantora. Boy George acredita que Madonna é uma homofóbica hipócrita. Segundo o cantor do Culture Club, a cabala, estudada por ela, ensina que a homossexualidade é uma doença.

- Eu tenho um problema com a devoção de Madonna com a cabala. Eu vi um documentário que dizia que a cabala acredita que gays são pessoas doentes que precisam ser curadas. Ela é tão hipócrita. Essa mulher abraçou e usou a homossexualidade para o seu próprio benefício - disse.

Boy George, pelo visto, não tem nenhum show marcado pela frente. Nem nada para fazer. Virar notícia ao falar asneira baseada em documentário sensacionalista de televisão deve ser triste.

Não que seja tudo mentira, já que os rabinos ortodoxos pregam que o estudo da filosofia mística só pode ser feito por homens casados, acima de 40 anos, que dominam a Torá e o Talmud. Mas, definitivamente, não é este o grupo que ensina a cabala para Madonna e metade das celebridades em Hollywood. Para o Kabbalah Centre (que abraça todos os famosos), o ensinamento deve ser para todos.

Qual seu disco predileto da Madonna? Você comeria o Boy George?