<BODY> philipinas: Setembro 2002

segunda-feira, setembro 30


Agora é a vez dos sujos. Tá acontecendo no Rio, o festival de cinema BR. Você precisa sair de casa e ver pelo menos um filme. É legal não ter idéia da porcaria ou da preciosidade que você vai ver. Normalmente já se tem uma idéia do lixo que vai ser "Sinais", por exemplo. Você já sabe o que esperar de um filme com a Julia Roberts ou um de um filme do Woody Allen. O fato de não conhecer os atores, nem o diretor, nem nada, torna a coisa emocionante. Tudo bem. Você não deve forçar a barra e começar a ver os filme orientais. A aventura tem que ser feita em doses homeopáticas. Pega um europeu, um latino... vai com calma. Aliás, voltando aos sujos...essa é uma das melhores atrações do festival. É a vez deles. Pra ter uma noção melhor do desfile, faça que nem eu e vá ao Espaço ou Estação Botafogo. Que é onde a coisa tá pegando fogo. Meu deus, metade ali não tinha tomado banho. Tem garotas querendo ser Drag Queens, usando saltos enormes, batons pesados e bolsas de verniz... E caras querendo ser Elvis Presley (claro que numa versão moderna, com tatuagens e piercings. Mas as costeletas e os topetes continuam lá). É até legal. Não tô reclamando. É a hora em que o Rio tenta ser São Paulo. Nesta época do ano, estes tipos de mamíferos podem conviver em paz com o meio-ambiente. Não precisam usar uma regata e mostrar um braço malhado. Nem tirar a camisa. E as meninas nem precisam ser gostosas. É uma alternativa. É o festival de cinema do Rio. Então pegue o seu cigarro, sua long neck, sua roupa preta, compre na C&A ou na U2, pegue um folheto do festival e divirta-se! Praia só em dezembro, valeu, brow?

sexta-feira, setembro 27


Eu acho que o negócio é sério. O cara quis fazer um site cabeça. E conseguiu que ficasse muito ridículo. Ligue suas caixas de som, espere carregar e deixe se guiar pelo site interativo. Podre! Entra aqui!

quarta-feira, setembro 25


Momento Contigo (ou UOL Música):
A cantora Janet Jackson andou de namoricos com o ex-namorado da Britney Spears, o ex-integrante da banda N´Sync, Justin Timberlake (o garoto ex). Poxa vida, uma mulher beirando os quarenta saindo com um garoto (?!) de 20 e poucos anos com cabelos de cachinhos dourados... Ah, toma vergonha, família Jackson. A fofoca ridícula do momento é que a mãe de Justin está acusando Janet Jackson de ter roubado o esperma de seu filho. Peraí! Como assim? Como se rouba esperma? A Dona Janete levou um potinho, pra na hora H poder coletar? E o que queria com aquela porra? Pretendia vender pra Xuxa depois? Ou queria mesmo um filho com o garoto? Dizem que era um encomenda do irmão Michael... E que tipo de mãe é essa que toma as dores do esperma do filho? Imagine a cena com a Senhora Timberlake cobrando da Senhora Jackson o esperma do filho de volta:
"É o seguinte, sua piranha de nariz operado, fica longe do meu filho! Não vai roubar o esperma dele não. Me devolve isso! Cospe, anda! Cospe aqui!"
Vou te contar. E ainda tem gente que se preocupa com conflitos no Oriente Médio...

terça-feira, setembro 24


Corrigindo: o Cine Copacabana vai fechar e em seu lugar vai entrar uma academia; a Body Tech. E não uma igreja. Assim disse o e-mail do Márcio que eu recebi. Continuo achando que destruir cinema não é a melhor idéia. Mas se todos preferem ficar sarados a ir ao cinema, não tem jeito mesmo.

Gente, se continuar assim, não vai dar. Vamos combinar um coisa: Quem tem guarda-chuva, anda na chuva. Quem não tem, anda embaixo da marquise. Assim ninguém fica cego, molhado ou com o guarda-chuva quebrado! Tenta ser alto e andar nas ruas do Rio em dias de chuva. É irritante. Carioca não sabe usar guarda-chuva! Se chover mais um dia, eu fico em casa.

domingo, setembro 22


Uma merda. Mais um cinema fecha em Copacabana. O grupo Severiano Ribeiro mais uma vez perde para a modernização das salas de cinema e fecha o Cine Copacabana, que tem cadeiras pra mais de 700 pessoas. Eu não consigo acreditar que ninguém em Copacabana vá mais ao cinema. Das duas, uma. Ou o dinheiro está ficando curto e só tá dando pra pegar uma igrejinha, ou então andam preferindo pegar um ônibus pra ver filmes em algum multiplex de Botafogo ou da Barra! Eu disse que no lugar vai ser construido mais um templo da igreja universal? Amém!

O Roxy e o Cine Novo Jóia (um cineminha do tamanho de sua sala de estar) são os únicos sobreviventes aqui no bairro. Nem as velhinas, presenças marcantes em qualquer tipo de filme (em Boggie Nights, elas ficaram firme e forte na cadeira enquanto diversas pessoas saíam), conseguiram segurar a bilheteria. Tá todo mundo indo pros shoppings e pagando 13 reais para ir ao cinema (você acha que o Brasil tá em crise?). E as filas são quilométricas.

O último cinema que fechou, o Art Copacabana, deu lugar a uma sapataria. A tal da Di Santini (sapatos cafonas custando o triplo do preço de um ingresso). As merdas proliferam. Eu vejo um novo começo de era. De gente burra, deselgante; mas sincera. Peço desculpas por citar Lulu Santos, mas eu vejo igrejas universais do reino de deus ocupando cinemas e teatros e isso tudo me deixa desnorteado. Vejo também a Rosinha liderando as pesquisas e depois leio que as Pretas Gil (pai e filha) vão cantar em dueto nos palcos cariocas e paulistas. Tudo começa a ficar confuso. Eu acabo até gostando de Lulu Santos.

Bom, o Roxy continua com as suas três salas em exibição. Hoje mesmo eu passei lá na frente e vi uma fila enorme. O povo se escondendo da chuva e ansioso para ver o novo blockbuster americano. Cinemas fechando e igrejas abrindo. O filme é "Sinais".

quinta-feira, setembro 19


Alguém viu o Grammylins Latino ontem? Fiquei com medo!

quarta-feira, setembro 18


O The Sims Online tá vindo aí. Será que alguém sai de casa depois disso? Será que vai existir contato humano? hehe É o começo de uma nova era!

O que anda acontecendo com a criatividade brasileira? Onde está a nova música pop? Parece uma era de reciclagens. Só se toca o que já aconteceu nos anos 80 ou 70 (põe na FM, pra você ver). Sem falar na era de acústicos inúteis como o do Cidade Negra, Lulu Santos, Titãs e agora, (respira fundo) Kid Abelha. Sem falar em RPM, Caetano Veloso, Gil, etc... Não tem nome, nem cara e nem cérebro novo. Não aparece ninguém interessante. Kelly Key? Ah, ela é tão forte e marcante quanto a segurança dos presídios cariocas. Sandy e Sandy (as filhas dos sertanejos) também não têm graça. As duas têm personalidade água com açúcar, musiquinha pra criança burra...

Música pop brasileira é frustrante. O rock não convence. Nem legal é. CPM22? Bandinha. O Rappa? A banda é muito chata, teve seu momento. E o discurso maconha-cabeça dos caras me dá larica. Vocês compram cd´s nacionais? Compram o quê? Elba? Ou a nova revelação-clone-de-Djavan Jorge Vercilo? Quem compra? Pedro e Tiago (os filhos dos sertanejos) vendem muito... Wanessa Camargo (outra filha sertaneja) é mais punhetação e aporrinhação musical. Por que ninguém faz música interessante? Não é tão difícil assim. É música pop! Sei lá, alguém que não nos façam bocejar. Alguma coisa eletrizante Iggy Pop, ou uns passinhos Michael Jackson, uma Madonna debochada, um esquisito David Bowie, uma esquimó Bjork, ou os Rolling Stones, Prince-bichinha-arretada, Beck, Chemical Brothers... Alguém que seja divertido. Ou que faça música que diga alguma coisa. Chega de rimas de amor com dor, de cometa com planeta, de amar com olhar. Será que eu vou ter que ir pra Loud ouvir bandinhas deprês?

A Sandy bem que podia tirar a roupa e cuspir sangue na platéia programada do Faustão. Ou o Júnior fazer um dueto com o Edson Cordeiro. Ou então o Caetano regravar as músicas da Xuxa. Até a MTV (que parecia ser uma salvadora) tá indo pro mesmo saco. Tá ficando a cara do SBT! Aliás, toda emissora paulista é a cara do Sílvio Santos. Mudando de assunto um pouco. Se você é uma atriz iniciante e pretende fazer sucesso na rede Globo, pense bem: você quer beijar o José Mayer? Aliás, imagina uma música do marido da Glória Pires tocando toda hora que você entra em cena... Essas bichas produtoras, cantoras e diretoras costumavam ser mais criativas.

terça-feira, setembro 17


Tem duas idéias bem legais de blog por aí:
A do Hoje Sou e a do Baile Blogue, onde coloquei as minhas dancing girls. O baile blogue seria mais legal se o povo colocasse alguém dançando realmente, mas...

UPDATE:
Rio Parade vindo aí e mais textos nos inter:urbanos!!

segunda-feira, setembro 16



Foto para uma revista sobre estilo de vida mostra a presidente das Filipinas, Gloria Arroyo, acompanhada de parte da equipe de governo. A foto, inspirada no filme "Homens de Preto" foi criticada, especialmente pelo Asian Wall Street Journal, que disse terem sido suscitadas dúvidas sobre a seriedade com que a economia filipina está sendo conduzida.

Hehehehe eu tenho muito orgulho das Filipinas. Muito staile, não acha? Sente a Gloria presidenta toda de black!

sexta-feira, setembro 13


Tá frio lá fora, pentelha!

Já ouviram "Baby it´s cold outside"? Música dos anos 60, eu acho. Já foi cantada em dueto por várias vozes da golden year americana. E meio que vicia, porque tem uma melodia pegajosa. Na época, a música de Frank Loesser soava bem safadinha, bem serelepe. A menina tinha que ir embora, dizia ao namorado intransigente que não podia ficar e o tarado vinha com aquela conversa de que tá frio lá fora. Ela se preocupa com o que os vizinhos vão dizer, ele insiste que isso é bobeira. Ela diz que a mãe dela vai brigar, que a irmã vai desconfiar, que o irmão vai bater na porta e ele no deixa disso, tá frio lá fora...até você se irritar com os dois e trocar de faixa. Mas se tem mesmo interesse em ouvir esse chove-não-molha musical, tem uma versão com o Ray Charles, duetando com uma tal de Betty Carter (com voz chatinha), que é bem legal. Dá pra imaginar ela toda menininha-manhosinha-não-me-toque enquanto o Ray Charles fica jogando idéia e se aproveitando da cegueira pra tocar no peito dela. Tem também a clássica versão cantada por Mae West e Rock Hudson num Oscar dos anos 50 e a de Ella Fitzgerald com Louis Armstrong, que em dueto, já gravaram a maioria dos greatest hits da época. Mas a mais engraçada, e ao mesmo tempo a melhor, é a de Ella Fitzgerald com a Sarah Vaughan. A última se aproveita da voz de negão pra passar uma cantada na Ella. É que tá frio lá fora!


quinta-feira, setembro 12


Eu sei que tem rebeliões em presídios, que tem troca de tiro com camelô aqui embaixo, que tem tiroteio no Dendê, que tem o Cidade de Deus no cinema, que tem a Benedita governando o circo todo, que depois pode ser entregue na mão da Rosinha (minha nova paixão). Sei que tem gente passando fome na porta da minha casa e que tem bomba no Oriente Médio enquanto o Bush usa terninho cafona em discurso comemorativo e por aí vai. Pois então,... agora você pode me chamar de fútil, de escapista e chamar meu blog de anestésico, que eu vou concordar completamente.


A foto é do filme Swept Away, dirigido pelo marido Guy Ritchie, que estréia em Outubro nos EUA. O clipe da música "Die Another Day", que será tema do novo filme de James Bond já está pronto. A participação da cantora no filme (que quando soube que não ia beijar James Bond, exigiu um beijo na Bond Girl) também já foi gravada. No momento ela se encontra em Nova York. Trouxe até o marido, que disse recentemente em uma entrevista ao New York Times, junto com ela, que não moraria na Big Apple de jeito nenhum. O motivo da estadia temporária na cidade não é por causa do luto de um ano do 11 de Setembro. E sim porque ela já está gravando o novo cd, que vai ter algumas faixas produzidas pela banda francesa Air. Já está pronto também um livro infantil, escrito em parceria com o marido, com temática espiritual. Enquanto isso, a C&A desiste de Gisele Bundchen e vê a possibilidade de ter Madonna como senhora-propaganda (eu ia escrever garota). Calma, ela não pára por aí. Se der tempo, disse que passa no Rio, para jantar com a família Garotinho. Madonna quer entender melhor e trocar idéias sobre a popularidade do casal de políticos brasileiros (eu ia dizer cariocas, mas fiquei com vergonha).

terça-feira, setembro 10


Selo comemorativo do 11 de Setembro

segunda-feira, setembro 9


* Ficar assistindo televisão é bem divertido. Principalmente a MTV, que exibiu o legendado e gravado Video Music Awards gringo, que podia se chamar perfeitamente de circo de horrores. Pô, logo no começo, Michael-Jackson-macaca-zira e Britney Spears de travesti! Teve também aquela Pink, tão suja visualmente quanto a Gwen Stefani, do No Doubt. E o resto é só o Eminem. Só dá ele. Lembra que o mesmo acontecia com Marylin Manson (quem?). Quanto mais absurdos você disser e mais loucura você fizer, mais disco você vai vender. E quando você deixar de ser novidade, vem outro pra pentelhar. Aquela festa não é mais sobre música faz tempo. Axl Rose, pára de cantar, você vai arrebentar a sua garganta!

* Tento trocar de canal ou de assunto, mas lá vem o programa de sexo da televisão da música, o Peep MTV. Dotô Jairo, Didi Mocó e Penélope Nada Charmosa. Os três apresentadores respondem as perguntas e esclarecem as dúvidas sexuais da audiência infanto-juvenil, que liga para o programa. Eu tenho pena da Didi. Se você costuma ligar para o programa, pergunta alguma coisa pra ela. É que ela fica ali no meio, tentando ser sensual fazendo caras e bocas e ninguém pergunta nada pra ela. Fica tentando ser cool num programa de cu. A Penélope se sai bem. Ela fala "pau" e manda todo mundo transar logo, incentivando os outros pra deixarem de ser Jairo Bouer, cheio de dúvidas, perguntas e cuidados. Eu vou tentar ligar da próxima vez. Selecionei algumas perguntas, o que vocês acham?
- Minha pergunta é pro Dotô Jairo. Eu ando gravando o programa recentemente por causa da Didi. Acho ela bonita e me masturbo frequentemente olhando pra ela. Isso é normal? Tenho algum problema?
- Oi, meu nome é Viviane. E minha pergunta é pro Jairo... Dotô, meu namorado quer fazer sexo anal comigo. Isso machuca?
- Alô, queria falar com a Didi. Olá, Gabriela, tudo beim? Tudo bem, Didi. Minha pergunta é a seguinte: Você é feia assim mesmo ou é só quando fala de sexo?
Acho que é isso. Quem tiver mais perguntas para o programa (que seria mais interessante com a Monique Evans), e quiser participar da palhaçada, manda pra mim que a gente pode criar uma lista.

* Tô lendo desde o primeiro post. Tive a felicidade de ver na home do Blogger que ele tinha acabado de ser feito. E encontrei uma preciosidade. Não conheço a dona do blog, mas me parece ser uma quarentona bem amarga de Porto Alegre. Com interjeições em inglês no meio dos posts e um mau-humor feminino típico da região (vai dizer que é mentira?), ela fala de menstruação, jazz, idolatra o ator Jack Nicholson e tenta dormir enquanto o filho fica trepando com as amigas no quarto ao lado. Patricia Mattos é gente que escreve.

* Cuidado, a Rosinha Garotinho vai governar você!

quinta-feira, setembro 5


Relembrando o Bebê de Rosemary: Uma loira magra, que costumava fazer filmes bons antes de se separar do marido Woddy Allen, estrela essa pérola dos anos 70, dirigida por Roman Polanski. A história se desenrola durante a gravidez de Rosemary e os sintomas nada convencionais, que acabam assustando amigos e familiares. A moça fica branca, magra e agressiva demais. Vendo o filme hoje, Mia Farrow não vai parecer tão esquisita quanto na época. No filme, temos o suspense curto e grosso com magia negra, exorcismo, bruxaria... O suspense bom, com frio na barriga. Hoje em dia, cai como uma luva. É risível, às vezes. Se Rosemary colocasse seu bebê para assistir ao filme, em tempos atuais, a criança reclamaria: "Ah mãe, põe o Clube da Luta". Tem uma apresentadora infantil que, dizem por aí, anda passando pelo mesmo problema. Seu marido e produtor a abandonou por sentir que ela tinha mudado. O bebê é uma peste. A mãe, que fez pacto com o diabo, pediu um capetinha que fizesse muito sucesso e saísse em diversas capas de revista. Por isso ninguém leva mais o Bebê de Rosemary a sério: "Ah, é a história da Sasha, pô"!

quarta-feira, setembro 4


Eu fiz meu filme para o Blogcine que tá acontecendo lá na Cora Rónai. Quem quiser ver, tá aqui. Será que a tia publica?

terça-feira, setembro 3


Eu ando mais pelo outro blog. Então não estranhe minha ausência por aqui e vai ler a gente.

Sabe quando a mão sua, a barriga aperta, você fica ansioso, impaciente, querendo que as coisas aconteçam logo e começa a maltratar todo mundo a sua volta? Então, isso é vontade de cagar.

segunda-feira, setembro 2


Ler blogs já não é mais o meu passeio predileto pela internet. Eu tento ler alguns. Mas pra falar a verdade, tudo anda a mesma coisa. Acaba todo mundo escrevendo igual. Se você entra nos links que o blog oferece, fica pior ainda. Parece que são todos escritos pela mesma pessoa. Normalmente falam sobre as mesmas coisas: resenhas de filmes, saídas com fulaninhos, cicraninho tem um blog ótimo, linka no meu que eu linko no teu, e por aí vai... e tem também aqueles blogs famosos que são mais pontos de encontro do que leitura legal ou interessante. Por isso, tento colocar aqui, links bem diversos. Este post, por exemplo, é muito inovador, ambicioso, positivo e criativo. E é por isso que vocês lêem o meu blog, não é verdade? Tá bem, vou embora...